Segunda-feira 23 de Janeiro de 5860

Benfica e Porto venceram e o pódio mantém-se na Liga NOS

Com os triunfos do Benfica e do F. C. Porto, obtidas este domingo, o pódio na Liga NOS mantém-se inalterável, com o Sporting a liderar, o Benfica a dois pontos e o F. C. do Porto a quatro pontos do primeiro lugar.

Liga Portugal / Hugo Delgado

Liga Portugal / Hugo Delgado

Na deslocação a Barcelos, o Benfica superiorizou-se (2-0) ainda que com algumas dificuldades, dado que o Gil Vicente boa luta nos remates para a baliza (5-6), tendo perdido várias oportunidades por uma mera questão de “azar”, como se teve oportunidade de observar.

Teve um domínio de bola (73/27%) rematou mais (14-11) mas no jogo jogado na grande área e por ali perto, os barcelenses criaram mais perigo mas não conseguiram a “nota técnica” suficiente para ultrapassar a “sorte” do Benfica.

Depois de uma primeira parte sem golos, o Benfica precisou de um “empurrão” da equipa da casa para chegar ao 1-0 (59’), com o defesa Rodrigão a desviar a bola para dentro da própria baliza, chegando-se ao 2-0 (seis minutos depois) quase da mesma forma, isto é, com o mesmo defesa a permitir que Everton passasse por detrás e chegasse ao 2-0.

A partida ficou marcada pela expulsão de Ygor (Gil Vicente), por ter sofrido segundo amarelo e da mesma forma, isto é, ter tido entradas “brutas” (com o cotovelo) aos adversários, o que aconteceu com outros jogadores mas que o árbitro “não viu” e o VAR não acompanhou, como o devia ter feito.

A este propósito, seriam bom que se harmonizasse o procedimento de visionamento deste tipo de lances, cada vez mais amiúdes e que podem originar uma “primazia” em relação a uma ou a outra equipa.

No Dragão, o F. C. do Porto foi superior em tudo e mais não fez do que cumprir o objectivo (ganhar) com dois golos sem resposta, marcados por Sérgio Oliveira (21’) na cobrança de uma grande penalidade e por Marega (39’), ambos a chegar aos cinco golos obtidos nesta competição e na presente época.

No outro encontro realizado este domingo, Paços de Ferreira e Boavista empataram (1-1), com golos obtidos por João Pedro (83’) e Elis (61), respectivamente, numa partida muito equilibrada em todos as vertentes, pelo que o resultado assenta bem.

Para completar esta 10ª jornada faltam ainda o Santa Clara-Vitória de Guimarães, esta segunda-feira (20h15) e o Sporting de Braga-Rio Ave (terça-feira, 20h15).

 

© 5860 Central Noticias. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.