Quinta-feira 22 de Fevereiro de 2024

Benfica “arrasou” Guimarães e corre a toda a velocidade para o título da Liga Bwin

18mar_slb_guim_1000

Fernando Correia / CN

Com uma goleada (5-1) imposta ao Vitória de Guimarães no Estádio da Luz, o Benfica segue em grande velocidade na corrida para conquistar o título de campeão nacional, melhor ainda se o FC Porto não conseguir um resultado positivo, este domingo, na deslocação a Braga.

Neste sábado, os encarnados depressa deram a entender que a “embalagem” é tal que tudo parece a seguir a uma velocidade de cruzeiro, sem que se preocupem muito com os outros candidatos, face aos oito pontos de vantagem dos portistas e dez sobre o Sporting de Braga, e muito menos sobre o Sporting, que está a 15 pontos do clube encarnado.

18mar_slb_guim_1002

Fernando Correia / CN

Com os vimaranenses apanhados ou não de forma distraída, a verdade é turma benfiquista entrou bem “oleada” e ao minuto 13 chegou ao 1-0 depois de Grimaldo ter endossado a bola a Neres que cruzou para a área onde Rafa cabeceou para as próprias costas, onde surgiu um Gonçalo Ramos pleno de oportunidade para abrir o marcador.

Pouco depois (18’), Rafa surgiu lançado na grande área vitoriana e foi derrubado pelo defesa Amaro, o que deu origem à grande penalidade que João Mário aproveitou para chegar ao 2-0 (28’) sem grande dificuldade, deixando como que de “rastos” a formação vinda das terras do primeiro rei de Portugal.

E só foram precisos mais oito minutos (36’), para que os benfiquistas voltassem a saltar dos bancos da bancada para aplaudirem o terceiro golo da equipe encarnada, depois de João Mário, a passe de Gonçalo Ramos, chegar ao 3-0, numa jogada iniciada poucos metros à frente da grande área encarnada, com a bola a seguir rapidamente para o campo adversário e caminhar para o fundo da baliza.

18mar_slb_guim_1003

Fernando Correia / CN

Depois do descanso para o intervalo, o Benfica manteve o controlo do jogo e de toda actividade atacante, tendo chegado ao 4-0 (69’) com um autogolo de Dani Silva, depois de Florentino ter roubado a bola ao adversário, endossou a Rafa, que a fez chegar a João Mário que a enviou para a área, onde Dani Silva, virado para a sua baliza, acabou por rematar para dentro, com o guarda-redes ainda a tocar na bola mas sem hipótese de a enviar para fora da baliza.

 

Dez minutos depois (79’) chegou o ponto de honra para o Guimarães, com um golo marcado por André Silva, tendo António Silva (89’) fechado a conta, dando seguimento a um cruzamento feito por Neres, para o segundo poste, onde surgiu Musa a reenviar o esférico para o centro da pequena área onde surgiu, só, o central António Silva a cabecear para a baliza deserta.

18mar_slb_guim_1001

Fernando Correia / CN

O Benfica somou 12-6 remates (5-4 para a baliza) numa posse de bola de 60/40%.

O Benfica chegou aos 66 golos e aos 68 pontos e aguarda o desenrolar do Braga-FC Porto neste domingo e, depois, do Gil Vicente-Sporting (alterado para o dia 5 de abril).

Nos outros jogos, o Vizela foi ganhar (1-0) ao Portimonense, com um golo obtido por Guzzo (90+4’), realçando-se que o algarvio Pedro Sá foi expulso (20’), o que deu vantagem de manobra aos visitantes, que aproveitaram a situação, que se transformou numa posse de bola de 67/33% para os visitantes, depois da vantagem do Portimonense nos remates (15-9, dos quais 3-2 para a baliza).

O Paços de Ferreira foi empatar (1-1) a Arouca, com os da casa a marcarem primeiro (55’) por intermédio de Mújica, empatando os visitantes por Gaitán (75’), numa partida em que os da casa dominaram: 17-14 em remates, dos quais 5-4 para a baliza, numa posse de bola de 58/42%.

Por último, o Estoril perdeu (0-2) no Coimbra da Mota ante o Chaves, numa partida em que os visitantes foram melhores nos remates (15-9, dos quais 5-3 para a baliza) e com uma posse de bola equilibrada (51/49%).

Os golos foram apontados por Steven Vitória (31’) de grande penalidade, tal como o segundo (71’) – que deu origem à expulsão de João Graça – obtido por João Teixeira, aqui com o VAR a confirmar a decisão do árbitro.

Neste domingo, lugar aos jogos Casa Pia-Marítimo (15h30), Braga-FC Porto (18h) e Boavista-Famalicão (20h15).

© 2024 Central Noticias. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.