Segunda-feira 30 de Novembro de 2020

Miguel Oliveira com primeira “pole position” e novo recorde do circuito do Autódromo do Algarve em festa

Miguel Oliveira voltou a estar grande plano no circuito do Autódromo Internacional do Algarve, desta vez por obter, pela primeira vez para um português, a “pole position” numa prova do Moto GP, ao mesmo tempo que voltou a bater o recorde do percurso com o tempo de 1.38,892 m, à média de 337,5 km/h.

DR / AIP

DR / AIP

Este registo – o melhor das duas provas de qualificação – foi alcançado na segunda corrida, com Miguel Oliveira a dizer, no final, que “o vento era “português”, pelo que me ajudou a obter o melhor tempo e chegar à pole position”, no que foi uma festa à grande e … portuguesa.

Oliveira superiorizou-se a Franco Morbidelli (Yamaha) e a Jack Miller (Ducati), que ficaram, respectivamente, a 44 e a 146 centésimos de segundo, tendo o dia acabado em festa na “box” da equipa da KTM Tech, no que será a última presença, uma vez que irá alinhar por esta formação, porquanto já assinou contrato para a KTM oficial, na próxima época. Um prémio merecido.

Na correspondência, este foi o dia mais importante da já longa carreira deste jovem motociclista luso, que foi campeão em Moto 2 e assumiu-se, este ano, como um piloto de largas vistas e capacidade física e mental de alto gabarito.

Nos dois treinos cronometrados, Oliveira segundo em ambos, o primeiro com 1.39,330 (a 125 milésimos de Jack Miller) e no segundo com 1.40,184 (a 34 centésimos).

Recorde-se que, à partida para esta última prova (14ª) do Moto GP, o espanhol Joan Mir (Suzuki), que já é o campeão mundial face à vantagem que tem sobre os restantes pretendentes ao título, lidera com 171 pontos, mais 29 pontos do que o italiano Franco Morbidelli (Yamaha), que soma 142, fechando o actual pódio com a presença de outro espanhol, Alex de Rins, que soma 138.

Quarto lugar para outro espanhol, Maverick Viñales (Yamaha) com 127, de onde sairão os dois elementos para chegarem ao pódio final.

Miguel Oliveira encontra-se na 10ª posição, com 100 pontos e aspira ainda a

Para o “rookie” do ano, o companheiro de equipa de Miguel (KTM Tech), o sul-africano Brad Binder, assume-se como o mais favorito, somando 87 pontos, encontrando-se logo a seguir ao piloto português na classificação geral.

Um domingo que se aguarda para ver Miguel Oliveira a, deseja-se, ganhar o Grande Prémio MEO Portugal, no Autódromo Internacional do Algarve.

© 2020 Central Noticias. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.