Terça-feira 23 de Julho de 2024

Construir unidade entre os membros da UE” desígnio do mandato de António Costa

Antonio Costa PS

CN / Arquivo

O agora eleito presidente do Conselho Europeu, António Costa,  será o primeiro português e o primeiro socialista à frente do Conselho Europeu.

Participando por video c0nferência, na apresentação à imprensa dos nomes propostos para os cargo da União Europeias, António Costa disse que vai ter como prioridade a partir de dezembro e quando a Europa passa por momentos dificeis, conseguir e construir unidade dentro da UE e seus membros, “construir unidade entre os Estados-membros será a minha principal prioridade quando assumir o meu cargo em dezembro”, disse.

O socialista António Costa foi eleito pelos chefes de Estado e de Governo da UE para exercer o mandato de Presidente do Conselho Europeu a partir de 01 dezembro por um período de dois anos e meio.

Foram também anuncidos os nomes que conselho Europeu vai levar ao Parlamento Europeu a votos,  Ursula von der Leyen para um segundo mandato à frente da Comissão Europeia e da primeira-ministra da Estónia, Kaja Kallas, para Alta Representante da UE para os Negócios Estrangeiros e a Política de Segurança.

 ”Confio no trabalho do António Costa” disse o atual presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, quando questionado sobre a nomeação do ex -primeiro ministro português para o substituir, por outro lado também o Governo de Portugal, pela voz do do primeiro-ministro disse que a leição de António Costa para presidente do Conselho Europeu é um momento feliz para a Europa e se é para a Europa é para Portugal.
O Presidente da República referenciou no seu comentário `eleição de António Costa, que considera há muitos anos, que António Costa é a “solução ideal” para desempenhar as funções de Presidente do Conselho Europeu, salientando a sua eficiência para os consensos muito importante nos momentos que a europa atravessa, a Europa e o Mundo.
© 2024 Central Noticias. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.