Sexta-feira 14 de Maio de 2021

F. C. do Porto apenas a quatro pontos do líder Sporting

Liga Portugal

Liga Portugal

Com mais uma escorregadela dos leões no seu próprio Estádio (frente ao Belenenses-SAD), o F. C. do Porto e o Benfica aproximaram-se na classificação, mantendo as mesmas posições mas com os portistas a estarem apenas a quatro pontos do líder.

Sporting que se mantém firme (e hirto) com o maior número de vitórias (21), sem uma única derrota mas tendo também o mais elevado número de derrotas entre os sete primeiros classificados.

No fecho desta ronda 28ª, esta quinta-feira, os portistas lideraram sem problema, com 15-4 em remates, dos quais 7-1 para a baliza e tendo 67/33% da posse de bola, o que não deu chances ao Vitória de Guimarães de se poder “revoltar”, porquanto a defesa nortenha resolveu todas as situações.

O único golo do jogo foi marcado (49’) por Marega, depois de ser lançado para o meio campo contrário, onde pressionou a defesa, ganhou a bola e esperou que o guarda-redes saísse da baliza para atirar a contar.

Dentro desta pressão portista, outro resultado não seria de esperar e o F. C. do Porto ficou, psicologicamente, mais aliviado, pelo menos até à próxima jornada da Liga NOS.

Em Portimão, o Benfica deu um festival de futebol e goleou os algarvios do Portimonense por um expressivo 5-1, no que foi o corolário de uma exibição bem mais conseguida do que os portistas, considerando que a estatística não foi muito diferente.

Os homens da águia dominaram nos remates (15-8, dos quais 6-3 para a baliza) e na posse de bola (64/36%), do que resultou o “massacre” quiçá inesperado.

Nota mais positiva para Seferovic, que voltou à liderança com mais um golo do que Pedro Gonçalves, estando a confirmar um final de época em grande plano nesta especialidade de marcador nato.

Ainda assim, foram os algarvios que abriram o activo (43’) com um golo obtido pelo cobiçado Beto, tendo Pizzi empatado (45+2’), fechando a primeira parte. Na segunda, Darwin fez o 2-1, Seferovic (64 e 73’) aumentou para 4-1 e coube a Everton (90+4’) encerrar a conta nos 5-1.

Noutro jogo, o Famalicão foi vencer o Gil Vicente a Barcelos, com um expressivo 3-0, com golos marcados por Ivan (69 e 90+3’) depois de Leonardo (90’) ter feito o 3-0.

Os gilistas tiveram a bola mais tempo (56/44%9, empatarem em golos para a baliza (5-5) mas os famalicenses chutaram mais para a baliza (14-10).

Por seu lado, o Tondela derrotou o Nacional, atirando o clube madeirense mais para o fundo da tabela classificativa, com a “culpa” a cair em Murillo e Ricardo Alves, que marcaram aos 17 e aos 60’, depois dos visitantes terem aberto o activo por Camacho (13’).

Após isto, o Sporting comanda com 70 pontos, seguindo-se o F. C. Porto (66), Benfica (60), Sporting de Braga (58), Paços de Ferreira (44), Guimarães (38), Santa Clara (36), Moreirense (35), Tondela (34), Portimonense (32), Gil Vicente e Belenenses SAD (31), Famalicão (30), Rio Ave (29), Boavista (28), Marítimo (27), Farense (25) e Nacional (21).

Nos marcadores, Seferovic (Benfica) lidera com 18, Pedro Gonçalves (Sporting) baixou ao segundo lugar (17), estando a seguir Mario Gonzalez (Tondela) e Sérgio Oliveira (F. C. Porto) com 12; Taremi (F. C. Porto) e Beto (Portimonense), ambos com 11.

A 29ª ronda inicia-se no domingo (25 de Abril), com os jogos Boavista-Marítimo (15h), Rio Ave-Paços de Ferreira (17h30) e Sporting de Braga-Sporting (20horas), com este último encontro a ser o centro fulcral de toda a jornada, pelos efeitos que pode trazer para a classificação do campeonato.

 

© 2021 Central Noticias. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.