Quinta-feira 22 de Fevereiro de 2024

Benfica chegou ao empate mas Liverpool está nas meias-finais da Liga dos Campeões

liverpool vs slb 13 abr 2022

UCL

Bem se esforçou o Benfica, que chegou ao empate (3-3) perto do final do jogo, mas contra um colossal Liverpool – que ganhou vantagem na Luz – não teve força para dar a volta à eliminatória.

Depois do 1-1 (golos de Konaté e Gonçalo Ramos, respectivamente aos 21’ e 32’) ao intervalo, depois de quarenta e cinco minutos em que os britânicos foram mais práticos e dominado com à vontade (6-2 em remates, dos quais 3-1 para a baliza, em 59/41% de posse de bola) ante uma certa apatia da formação de Nelson Vitorino, o segundo tempo surgiu algo modificado mas … pior para os benfiquistas.

Isto porque Roberto Firmino (55’), aproveitando a passividade da defesa encarnada, elevou o marcador para 2-1, numa jogada em que o golo surgiu depois de Odysseas não ter afastado como deve ser a bola da zona de perigo, confirmando o controlo do jogo por parte dos ingleses.

Pior ainda porque, dez minutos depois (85’), o Liverpool chegou ao 3-1, com um golo obtido pelo mesmo jogador, no seguimento da marcação de um livre sensivelmente a meio do meio campo benfiquista, com a bola a voar por cima de uma defesa estática, chegando ao lado contrário, onde surgiu Firmino a meter a bola na baliza de Odysseas, sem que este pudesse evitá-lo.

Indo buscar força, mental e física, não se sabe onde, a verdade é que o Benfica – depois das substituições verificadas nas duas equipas – reforçou os ataques e Yaremchuck (entretanto entrado, assim como João Mário), chegou ao 2-3 (72’), depois de se isolar e marcar a preceito.

A perfeição de não perder estava na mente dos jogadores benfiquistas e (81’) Darwin Núñez, conseguiu isolar-se pela esquerda, fintou o guarda-redes, e fez o empate a três, ainda a dez minutos do final da partida (que teve ainda mais 4 minutos de compensação).

O empate não chegava para nada, mas era um bom tónico para a equipa benfiquista – em vésperas de defrontar o Sporting, em Alvalade para a Liga Bwin – se bem que o nível de cansaço alcançado em terras de Sua Majestade esteja ainda por desfazer e retornar ao de cima.

No final, a supremacia dos ingleses manteve-se (17-6 em remates, dos quais 6-4 para a baliza, numa posse de bola de 67/33%) e a partida terminou a bem para os britânicos, que vão jogar a meia-final frente aos espanhóis do Villarreal, a primeira mão no dia 26 ou 27 deste mês, com vantagem caseira dos ingleses na primeira mão.

Na outra meia-final, o Manchester City receberá o Real Madrid, depois do City ter empatado esta quarta-feira (0-0) frente ao Atlético de Madrid.

Esta quinta-feira, para a Liga Europa, o Sporting de Braga vai jogar à Escócia, com o Rangers, a quem venceu na primeira mão nestes quartos-de-final, recordando que a equipa bracarense foi a única que ganhou vantagem (1-0) no jogo da primeira mão.

Jogam ainda Lyon-West Ham, Barcelona-E. Frankfurt e Atalanta-Leipzig.

© 2024 Central Noticias. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.